Conheça os 16 melhores chás anti-inflamatórios para tratar doenças

A busca por remédios naturais para tratar e curar doenças nem sempre é fácil, não é mesmo?

A informação sobre ervas e plantas que atuam como ingredientes principais em medicamentos naturais não é muito acessível. Mas a partir de agora você não precisa mais se preocupar com isso: neste artigo você vai descobrir quais são os 16 melhores chás anti-inflamatórios para tratar doenças

chás anti-inflamatórios
Confira neste artigo os melhores chás anti-inflamatórios e livre-se das dores!

Pesquisei a fundo sobre esse assunto para entender melhor o que é a inflamação, como ela é causada ao nosso organismo e quais são as principais plantas que podem ser transformadas em chá e que atuam como anti-inflamatórias. O resultado é este artigo completo, feito especialmente para você que deseja tornar a cura um processo mais saudável. 

Vem comigo! 

Quando usar o chá anti-inflamatório?

Você provavelmente vai ficar de boca aberta com o que eu vou dizer agora, mas a infecção é um processo natural e positivo para a nossa saúde e para o nosso organismo. Ela é uma resposta de que o nosso corpo está agindo para eliminar agentes externos que são responsáveis por causar alguma doença ou infecção. 

Portanto, é normal que uma inflamação ocorra de vez em quando no nosso organismo, já que ela é um processo que faz parte da cura de alguma doença, com o objetivo de reduzir danos à saúde. O problema é quando ela se apresenta de forma grave e com muita frequência, o que pode torná-la crônica e causar outros efeitos colaterais. 

É assim que se diferencia os dois principais tipos de inflamação: a aguda e a crônica. A inflamação aguda é aquela que começa imediatamente após um corpo estranho ser percebido pelo nosso organismo, fazendo com que ela desapareça em poucos dias. 

Já a inflamação crônica é uma condição adquirida quando o nosso organismo falha em combater o agente externo causador da doença. Por isso, ela pode durar meses e até mesmo anos, o que a torna capaz de causar problemas de saúde como diabetes, doenças do fígado, doenças do coração e até câncer. 

Veja, a seguir, os principais sintomas de inflamações agudas e crônicas: 

  • Sintomas de inflamação aguda: dor, vermelhidão, sensibilidade, inchaço e calor na área inflamada.
  • Sintomas de inflamação crônica: esse tipo de inflamação pode ser silenciosa e não apresentar sintomas. Quando eles se manifestam, pode aparecer por meio de aftas na boca, dor no peito, fadiga, dor abdominal, febre, dores nas articulações e erupções cutâneas. 

Os chás anti-inflamatórios são uma abordagem natural e mais saudável para controlar esses sintomas e combater inflamações. Existem inúmeras plantas e ervas que possuem propriedades anti-inflamatórias e que são efetivas na tarefa de curar nosso organismo e deixá-lo mais saudável. 

A seguir, conheça 16 tipos de chás anti-inflamatórios para usar no seu dia a dia.

Quais são os melhores chás anti-inflamatórios?

chás anti-inflamatórios
Saiba mais sobre os 16 melhores chás anti-inflamatórios

Plantas medicinais são usadas desde o começo dos tempos para curar e tratar doenças. Não poderia ser diferente no caso das inflamações! Existem inúmeras ervas que servem ao propósito de aliviar o processo inflamatório, com a vantagem de oferecer pouco ou nenhum efeito colateral e permitir um preparo fácil e rápido.

Saiba mais sobre os chás anti-inflamatórios: 

Erva baleeira

Já ouviu falar no anti-inflamatório natural dos brasileiros? Então é hora de conhecer a erva baleeira. Ela é uma planta nativa da Mata Atlântica e seu óleo essencial age medicinalmente no tratamento de dores musculares, reumatismo, nevralgias e artrites. Massagens e cremes em gel produzidos a partir desta erva também são eficazes. 

O chá de erva baleeira é benéfico para o tratamento de inflamações e não conta com nenhuma contraindicação registrada. Para fazê-lo, basta ferver 5 folhas em meio litro de água. Também é possível molhar um pedaço de pano na bebida e fazer compressa com ela na área inflamada. 

Camomila

A camomila possui inúmeras propriedades que ajudam no tratamento de diversas doenças — entre elas a inflamação. Por conter substâncias conhecidas como terpenoides e flavonoides, seu óleo essencial penetra em camadas profundas da pele, diminuindo a inflamação e promovendo bem-estar. 

O chá pode ser preparado a partir de sachês, que são encontrados em supermercados, ou a partir das folhas secas da planta. Misture uma xícara de água fervente ao conteúdo de camomila e beba em seguida. Você também pode usar o líquido para fazer compressas nas áreas inflamadas. 

Agrião 

Pode parecer estranho, mas o agrião possui propriedades incríveis que fazem o chá dessa planta atuar contra a inflamação. Ele não apenas é diurético, o que torna eficaz na eliminação de líquidos do organismo,  mas também ajuda no tratamento de problemas digestivos, acne, aftas, gengivite, tosse, eczemas e doenças respiratórias. 

Para prepará-lo, use meia xícara de folhas e talos de agrião, 1 colher de sopa de mel e 100 ml de água. Ferva a água, adicione a planta e deixe a mistura descansar. Coe e sirva-se, usando o mel para adoçar o chá conforme o seu gosto. 

Cravo-da-índia com gengibre

O chá de cravo-da-índia com gengibre é um dos melhores para tratar doenças inflamatórias na garganta. Esse remédio natural não apenas possui ação anti-inflamatória, mas também analgésica e antisséptica — o que ajuda muito a diminuir a dor e inflamação da garganta em casos de amigdalite. 

Para prepará-lo, você deve adicionar 1 grama de cravo-da-índia e um pouco de gengibre à uma xícara de água fervente. Deixe o líquido repousar por 10 minutos, coe e beba várias vezes ao dia para que seu efeito seja potencializado. 

Alcaçuz 

O alcaçuz é uma planta originária da família das leguminosas, nativa da Europa e da Ásia. É conhecida por seu sabor extremamente adocicado, que chega a ser quinze vezes mais doce do que a cana-de-açúcar. O que quase ninguém sabe é que essa planta possui um excelente poder anti-inflamatório! 

O chá de alcaçuz é capaz de diminuir a rigidez do corpo, a dor muscular e aliviar os sintomas de artrite reumatoide e de polimialgia reumática. Ela também é super indicada para resolver inflamações bucais. O único problema é que seu chá não é indicado para gestantes, hipertensos e pessoas com problemas renais, ok?

Macela com própolis

Dizem que a dor de dente é uma das piores que a gente pode sentir. Nesses casos, é sempre indicado consultar um profissional para te auxiliar no tratamento, mas se você quer um remédio caseiro que vai ajudar durante esse período de dor, use o chá de macela com própolis. 

Ele é um ótimo anti-inflamatório natural e fácil de ser aplicado: você pode fazer bochechos com a bebida quantas vezes desejar, até sentir que os sintomas estão diminuindo. Para prepará-lo, use duas colheres de folhas secas de macela, trinta gotas de extrato de própolis e 1 litro de água fervida. 

Alecrim 

O alecrim também é uma daquelas plantas usadas como tempero e que também pode ser o ingrediente principal de chá anti-inflamatório. Geralmente ele é usado como elemento de compressas que aliviam contusões e hematomas, mas também pode diminuir dores provocadas por doenças reumáticas e articulares. 

O chá de alecrim pode combater enxaquecas e baixa imunidade. Outros benefícios dessa planta são os seguintes: tratamento da gripe, equilíbrio a pressão arterial, auxílio no período menstrual, ajuda na digestão e redução dos gases intestinais. 

Chá preto

O chá preto é universal. Ele é consumido puro, misturado com outras bebidas, quente ou frio. E, apesar de seu alto nível de cafeína, ele também possui antioxidantes e compostos que ajudam a reduzir as inflamações no organismo. Um deles é o polifenol, responsável por combater os danos às células do corpo. 

Os polifenóis e as catequinas presentes no chá preto também ajudam a inibir a ação de enzimas que causam estresse oxidativo e combatem os radicais livres, conhecidos por acelerar o envelhecimento precoce, o enfraquecimento do sistema imunológico e gerar inflamação crônica. É ou não é uma ótima opção de chá anti-inflamatório?

Artemísia

A artemísia é uma planta que se originou nas áreas montanhosas da Península Balcânica e que possui ótimas propriedades anti-inflamatórias! Ela bloqueia a produção de prostaglandinas no organismo, substâncias que estão diretamente relacionadas com o aparecimento de inflamações. 

Pesquisas também revelam que o consumo diário de cápsulas de folhas secas de artemísia atuam no alívio de crises de enxaqueca. Ela também é benéfica para quem possui dores de artrite reumatoide. Mas atenção: pessoas que tomam remédios anticoagulantes devem procurar orientação médica antes de consumir artemísia, combinado? 

Chá verde

O chá verde é um dos chás mais consumidos no mundo inteiro. Ele possui altos níveis de flavonoides e de catequinas — esse último é um antioxidante reconhecido por seu efeito anti-inflamatório no corpo. 

Também é possível encontrar polifenóis nessa bebida, uma substância que estimula o funcionamento do sistema imunológico e que diminui os riscos de desenvolver determinadas doenças. Considerado um dos melhores chás anti-inflamatórios, seu consumo previne a doença de Crohn, colite ulcerativa, doença intestinal e alguns tipos de câncer.

Cúrcuma 

A cúrcuma, também conhecida como açafrão-da-terra, é muito usada como tempero em pratos culinários. Mas ela também pode ser facilmente usada para o preparo de um chá anti-inflamatório, já que possui uma propriedade chamada curcumina, responsável por seus benefícios contra inflamações. 

Na verdade, acredita-se que a cúrcuma possua mais de 24 compostos anti-inflamatórios, entre eles os que são capazes de tratar dores, inchaço e interromper o processo de inflamação. Se você possui artrite ou osteoartrite, aposte na cúrcuma para preparar um chá capaz de aliviar os sintomas dessas doenças.

Gengibre

Esse chá é um dos mais populares no tratamento e cura de doenças. Quem nunca tomou um chá de gengibre para aliviar o desconforto gastrointestinal? Mas saiba que essa bebida também pode ser usada para reduzir os sintomas de inflamações crônicas, por conter efeitos antioxidantes e anti-inflamatórios. 

Estudos apontam que o chá de gengibre é super potente para reduzir efeitos anti-inflamatórios, aliviando a dor e inchaço relacionados à osteoartrite e o reumatismo. Também foi descoberto o poder do gengibre de atuar como um anticancerígeno, além de tratar receptores e terminações nervosas. 

Para preparar esse chá, use 6 fatias finas de gengibre cru e 1 xícara e meia de água fervente. Junte os dois ingredientes e ferva tudo por dez minutos. Para consumir a bebida, retire os pedaços de gengibre e, se desejar, adicione limão e mel. 

Dente-de-leão 

Apesar do dente-de-leão ser considerado uma erva daninha, ele pode ser usado como ingrediente principal de um chá medicinal que trata diversos problemas de saúde. Suas principais propriedades são desintoxicantes, o que o torna extremamente eficaz no combate de inflamações crônicas. 

Ele pode ser usado para diminuir a prisão de ventre, a dor de estômago e problemas de digestão de gorduras. Além disso, é rico em sais minerais e betacaroteno, substâncias essenciais para o funcionamento do metabolismo. Para prepará-lo, basta ferver uma xícara de água e acrescente folhas secas de dente-de-leão. 

Folha de abacate 

As folhas do abacate podem ser usadas para fazer chás! É sempre uma surpresa descobrir que as partes que jogamos fora dos alimentos que consumimos possuem propriedades benéficas à nossa saúde, né? A folha de abacateiro é uma delas! 

Esse chá é um diurético natural super indicado para tratar inflamações intestinais e diarreias. Ele também pode ser usado para aliviar dores musculares, bronquite, cansaço, infecções de urina, cefaleias, dores de garganta e rouquidão. A ação antioxidante desse chá é possível graças à presença de flavonoides e fenóis em suas propriedades. 

Hortelã 

Outro chá comum no dia a dia de quem costuma consumir essa bebida, o chá de hortelã também possui propriedades anti-inflamatórias. A planta possui flavonoides, que nada mais são do que antioxidantes capazes de atuar nos vasos sanguíneos, protegendo-os. Além disso, possui substâncias de efeito analgésico. 

Tudo isso torna o chá de hortelã extremamente útil para combater problemas de fígado, cólicas, enxaquecas e gripes. E não para por aí: seu consumo também providencia uma carga de nutrientes e sais minerais que são essenciais para a nossa saúde. Esse chá é ótimo em todos os sentidos!

Malva 

A malva é uma planta comumente encontrada no sul do Brasil, usada para tratar doenças inflamatórias bucais, como a gengivite e a periodontite. Estudos realizados por universidades renomadas do Brasil constataram que a malva possui propriedades que diminuem muito a quantidade de moléculas que causam esses tipos de infecções. 

Esse chá é extremamente fácil de ser preparado e pode ser consumido até quatro vezes por dia. Basta adicionar duas colheres de malva em uma xícara de água fervente, manter a mistura em infusão por até 10 minutos, coar o líquido e consumi-lo. 

Gostou das receitas, leitora? Entre todos os chás anti-inflamatórios que indiquei, quais te agradam mais? Você já experimentou algum deles? Conte tudo nos comentários! Quero saber quais são as suas experiências com esses ótimos remédios caseiros! 

Até a próxima! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *